Receba a nossa newsletter com as histórias de Lisboa 🙂

Já passaram quase três meses desde o lançamento do livro Diário de um Sem-Abrigo: Os dias (e noites) de Jorge Costa a viver nas ruas de Lisboa, uma obra escrita pelo cronista da Mensagem, que conta na primeira pessoa os oito meses em que viveu como sem-abrigo nas ruas da cidade que o viu nascer e crescer, Lisboa. Jorge morreu em abril deste ano, antes de o livro sair para as bancas, mas deixou-nos um pedido: que se continuasse a falar dos mais desprotegidos.

Nem dois meses depois, estávamos a ir a um centro de acolhimento ouvir pessoas que lá residem. Agora, levamos a conversa para a 92.ª edição da Feira do Livro, no próximo dia 10 de setembro, sábado.

Venha falar connosco sobre a pobreza na cidade.

Será na Praça LeYa, editora que ajudou a publicar este livro, às 19h30. A diretora da Mensagem, Catarina Carvalho, vai moderar uma conversa com Sónia Costa, investigadora do DINÂMIA’CET-Iscte sobre pessoas em situação de sem-abrigo, e Teresa Bispo, técnica da Câmara Municipal de Lisboa.

Este último nome pode soar familiar para quem leu a obra de Jorge Costa: afinal, foi Teresa Bispo quem pôs o cronista na nossa rota. Ela, que se tornou uma amiga daquele homem que viu entrar no pavilhão do Casal Vistoso, no Areeiro, em meados de 2020, a pedir-lhe abrigo.

É a experiência destes meses de pandemia e como antiga coordenadora do NPISA – Núcleo de Planeamento e Intervenção Sem-Abrigo de Lisboa que Teresa vai trazer a esta conversa sobre a pobreza na cidade que alberga mais pessoas em situação de sem-abrigo no país.

E Sónia Costa tudo aquilo que tem estudado nos últimos anos e que foi também a vida de Jorge Costa.

Junte-se a nós!

O livro de Jorge Costa está à venda nas livrarias, com um PVP de 10,90€. Os resultados das vendas reverterão para uma Bolsa de Jornalismo sobre Pessoas em Situação de Sem-Abrigo, na Mensagem.

O livro assinado por Jorge Costa foi lançado no passado mês de julho, no Centro de Alojamento de Emergência de Santa Bárbara, em Arroios. Foto: Inês Leote

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.