Maria do Rosário Pedreira

Nasceu em Lisboa e nunca pensou viver noutra cidade. É editora, tendo-se especializado na descoberta de novos autores portugueses. Escreve poesia, ficção, crónica e literatura infanto-juvenil, estando traduzida em várias línguas. Tem um blogue sobre livros e edição e é letrista de fado.


Um cabrito na varanda

Apesar de ter nascido na capital e ter vivido sempre em prédios, não foi por isso que não tive contacto com animais vivos, até porque na minha infância os aviários estavam ainda por explorar e, se queríamos comprar um peru ou um frango, tínhamos de ir à praça (era assim que a minha mãe chamava […]

Os feirantes

Enquanto decorre mais uma Feira do Livro de Lisboa no Parque Eduardo VII – a 91.ª, se não estou em erro –, olho para trás e sinto-me velha. Da primeira vez que fui à Feira do Livro sem um adulto por perto, e com carta-branca para comprar o que quisesse (dentro de um determinado orçamento, […]

Fora de horas

O meu pai – que em solteiro nem gostava muito de sair – tornou-se boémio com a idade. Penso que gostava sobretudo de conviver, mas, como também lhe dava para versejar, fez das casas de fado um dos seus destinos de eleição e das fadistas as fiéis depositárias dos seus poemas. Podia ir jantar à […]