Limpezas primavera
Ilustração: Nuno Saraiva

Receba a nossa newsletter com as histórias de Lisboa 🙂

Para as limpezas de primavera, optar por produtos, nomeadamente detergentes, mais sustentáveis e com menos impacte ambiental é uma escolha certeira e muito sustentável. As vantagens ambientais fazem toda a diferença para o planeta.

Porém, há que separar o trigo do joio. Ou seja, nem todas as alegações “verdes”, “amigos do ambiente” ou ecológicos correspondem à realidade. Qualquer produto para indicar “ser verde” necessita de respeitar parâmetros e ser submetido a procedimentos e testes de avaliação. Para nós, compradores, o Rótulo Ecológico Europeu pode ajudar no acto da livre escolha.

Trata-se de um rótulo fiável, criado em 1992, reconhecido presentemente em todo o mundo, que identifica produtos e serviços com um impacte ambiental reduzido. Atribui-lhes uma distinção de sustentabilidade, comprovada por análises e testes.  

Assim, para as suas limpezas de primavera lançamos-lhe o desafio de escolher detergentes que preenchem critérios ambientais rigorosos, isto é, com rótulo ecológico da EU. As vantagens são várias:

  • Permitem poupar energia (e dinheiro), pois são eficientes a baixas temperaturas. Concretizando com os detergentes da roupa, estes são testados para terem a máxima eficiência a 30ºC.
  • Protegem a saúde – estes produtos de limpeza contêm, em geral, químicos menos problemáticos quando comparados com produtos normais, o que minimiza a exposição global.
  • Poupam o ambiente – os produtos de limpeza com esse rótulo cumprem, como mencionado, um conjunto de critérios ambientais rígidos, definidos por um painel de especialistas de diversas áreas, incluindo organizações de consumidores, avaliam todo o ciclo de vida do produto – desde a extração das matérias-primas, à produção, embalagem e transporte, utilização e fim de vida. Esta abordagem do ciclo de vida do produto garante que os principais impactes ambientais dos produtos sejam reduzidos em comparação com produtos semelhantes no mercado.
  • Evitam as alegações ambientais sem fundamento (greenwashing) – o rótulo ecológico europeu, ao invés de outros que inundam o mercado, garante que os detergentes minimizam o impacto no ambiente. Tal acontece graças aos requisitos exigentes que os fabricantes têm de cumprir para obter aquele rótulo.

Procure nas embalagens dos detergentes (e demais artigos), o símbolo do Rótulo Ecológico Europeu e garanta que está a tomar uma escolha mais sustentável.

Mãos à obra: limpar e lavar paredes e tectos

O revestimento das paredes obriga a “técnicas” de limpeza diferentes. As paredes pintadas são a situação mais habitual. Vamos a isto?

  • 1. Limpe bem o pó das paredes. Para tal, use o aspirador ou o tradicional pano do pó.
  • 2. Prepare uma solução de água morna com detergente da loiça, ou no caso de as paredes estarem muito sujas, opte por um detergente abrasivo e lave cuidadosamente, mas com vigor as paredes e tetos. É importante levar a lavagem da parede até ao fim para não correr o risco de ficar manchada.

Nota importante: não se esqueça de desligar a corrente elétrica para que as limpezas (água e/ ou detergente) não danifique tomadas e interruptores.

  • 3. Se decidir lavar com mais energia, escolha usar detergente multiusos diluído em água e aplicado com uma esponja ou com um pano absorvente.

As paredes forradas a papel pedem limpezas mais suaves:

  • 1. Para limpar o pó, escolha uma escova ou vassoura muito macia, não fazendo muita pressão, sobretudo se o papel tiver efeitos em relevo. Para limpar a sujidade ou manchas, usa uma borracha de lápis macia.
  • 2. Se o papel de parede for lavável, leia e siga as instruções do fabricante.

Passamos aos tectos:

Esta tarefa vai exigir apoio, sobretudo se os tectos forem altos. Neste caso, necessitará de um escadote e de um ajudante ou de uma plataforma para colocar os instrumentos de limpeza. Utilize o mesmo procedimento aconselhado para a lavagem das paredes, sendo aconselhável o uso de máscara e óculos de proteção. Mais vale prevenir…

Se os tetos forem baixos, uma vassoura macia com um cabo longo ou o aspirador com um acessório de limpeza de pós serão suficientes. Em situações de muita sujidade – marcas de bolores e fungos – lave com o detergente multiusos diluído em água e aplicado com uma esponja.

A DECO pode apoiar! A DECO sempre consigo!

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.