Receba a nossa newsletter com as histórias de Lisboa 🙂

Publicado emCrónica

Livro mordido

Nem todas as crianças me lembram livros mordidos. Mas algumas, cujo choro nasce fora da caixa torácica, as de olhar desfixo e sorriso posto ao lado, lembram-me um livro mordido e remordido nas pontas – edição brochada pronta a ser molde de novos dentes. A mãe da criança que me mordia os livros chamava-se Filipa. […]